Encontro da Família

Em 1992 foi realizado o 1.º encontro da Família Wastowski e, após 25 anos, o segundo encontro foi realizado em 2017.
Em breve teremos o 3.º encontro. :)
 Ver mais detalhes.

Livro de Visitas

Agradecemos a todos que registraram seus comentários, críticas ou sugestões.
  Ver Livro de Visitas.

Santuário a Nossa Senhora de Częstochowa

Santuário para Nossa Senhora Częstochowa A devoção a Nossa Senhora do Monte Claro veio com o imigrante polonês e é mantida por seus descendentes. Na comunidade da linha Bom Jardim está localizado o santuário em honra a Nossa Senhora de Częstochowa.
 Ver mais detalhes.

Origem dos Polacos

Foto: Museu Nacional de Biskupin

Biskupin, a Origem dos Polacos - A origem do povo polaco segundo, muitos arqueologistas, estaria na idade do Bronze. A Cultura Luzácia, seria a mãe dos protoeslavos, consequentemente dos eslavos e dos atuais polacos. Mas tarde, os celtas, teriam andado pela mesma região e deixando influências.

Escavações realizadas em 1934, pelos arqueólogos Józef Kostrzewski e Zdzislaw Rajewski da Universidade de Poznan, encontraram fortificações a 40 km de Gniezno (primeira capital do Reino da Polônia). Em 1939, já haviam sido escavados 2500m2. Mas aí veio a segunda guerra mundial e os alemães invasores tornaram o local, como parte da Alemanha Nacional - Warthegau.

Para justificar (talvez) que aquelas terras sempre foram alemãs, cientistas da Universidade de Leipzig liderados por Gustaf Kossinna passaram a afirmar que a cultura Luzácia era a origem dos germânicos e não dos eslavos. Até o nome de Biskupin, os nazistas mudaram. Passou a ser chamado de "Urstädt".

Foto: Museu Nacional de Biskupin

Os alemães em sua retirada inundaram as escavações, o que ironicamente acabou preservando as paliçadas de madeira da idade do bronze, que os arqueólogos polacos tinham descoberto em 1934. Kossinna, que foi professor de Koztrzewski se baseava nas teorias do alemão Rudolf Virchow, que afirmava serem os Luzácios, o povo do qual se originaram os alemães atuais. Porém, o polaco, na sua contestação não ficou sozinho contra seu professor, pois os arqueólogos tchecos Píc, Niederle e Cervinka, além dos polacos Majewski e Kozlowski sustentaram que os Luzácios eram Protoeslavos e não germânicos, como queriam os nazistas, para justificar a invasão da Polônia.

Divergências arqueológicas a parte, Biskupin, é um local impressionante para visitação. Desde 1974, quando o local foi recuperado e se transformou em unidade do Museu Nacional da Polônia, milhares de pessoas já puderam comprovar como era a vida dos polacos há mais de 3000 anos.

A idade do bronze acabou na Polônia em 700 ac, mas descobertas recentes apontam que o "bronze" continuou pelo menos até 500 ac já em plena idade do ferro.

Biskupin fica a 40 km de Gniezno, a 60 km de Bydgoszcz e a 280 km de Varsóvia. Pode-se ir de trem, ou ônibus.

Entre em contato através do e-mail: familia@wastowski.com.br.
Copyright © Julho / 2005 - ALW. Todos os direitos reservados.

Pesquisar

Romaria Internacional de Częstochowa

No dia 27 de agosto será realizada a 26.ª Romaria Internacional em Honra a Nossa Senhora de Częstochowa (Nossa Senhora do Monte Claro) na comunidade da Linha Bom Jardim em Guarani das Missões - RS.
 Ver mais detalhes.

Estatísticas

 4.384 cadastros.
 463 usuários.
 831 fotos.
 596.011 visitantes.
 1.648.673 consultas.
 Alterado em 27/09/2017.

Fotos Enviadas

Esta galeria contém fotos enviadas por colaboradores.
  Ver a galeria de fotos.